Transporte Escolar


EMPRESAS DEVERÃO CUMPRIR O ACORDO COLETIVO DO: SINDIFRETUR

  Agora é definitivo, as empresas terão que seguir e respeitar o Acordo Coletivo do SINDIFRETUR, o processo foi julgado com ACORDÃO proferido em 15/03/2017 e teve o TRÂNSITO EM JULGADO em 29/03/2017.


   O Tribunal Regional do Trabalho decidiu que; o SINDIFRETUR, é o legítimo representante da categoria profissional dos:  “trabalhadores(as) em  empresas de TRANSPORTE ESCOLAR” nos Municípios de: Guarulhos, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá e Suzano. 


   A Data-Base da nossa categoria é: 1º de Maio e a partir de Maio/2017 as Empresas de Transporte Escolar terão que cumprir rigorosamente a Convenção Coletiva do SINDIFRETUR.

Veja abaixo a cópia da “CERTIDÃO DE OBJETO E PÉ”




FIQUE SÓCIO!, FORTALEÇA O SINDIFRETUR,
 que é o legitimo representante da nossa categoria!





PODER JUDICIÁRIO FEDERAL
Justiça do Trabalho - 2ª Região

18ª Turma - Cadeira 2

 

PROCESSO: 1000546-84.2014.5.02.0319


CLASSE: RECURSO ORDINÁRIO EM PROCEDIMENTO SUMARÍSSIMO (11886)


RECORRENTE: SIND.DOS TRAB.INST. EM AUTO ESCOLA CENTRO DE FORM DE COND.DESP.EMP.DE TRANSP.ESC.E AN.DE GUARULHOS E REGIAO


RECORRIDO: SINDICATO DOS EMPREGADOS EM EMPRESAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS POR FRETAMENTO E TURISMO DA GRANDE SAO PAULO

CERTIDÃO DE OBJETO E PÉ





A Secretária da 18ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região, CECÍLIA FREITAS DE AZEVEDO PESCE, CERTIFICA, em breve relato e atendendo ao pedido da Dra. Roseli Gaeta Colucci, que, revendo nesta Secretaria os autos em epígrafe, dele verificou constar os seguintes dados:



Autuação: 01/04/2014, para a 9ª VT de Guarulhos/SP


Objeto da Ação: Ação Declaratória


Valor da Causa: R$1.000,00 (mil reais)

CERTIFICA, conforme solicitado, que o autor SIND. DOS EMPREGADOS EM EMPRESAS DE TRANSPORTE DE PASSAGEIROS POR FRETAMENTO E TURISMO DA GRANDE SÃO PAULO ajuizou Ação Declaratória em face do réu, pleiteando seja declarado por sentença, a legitimidade do sindicato autor para representar a categoria profissional dos "trabalhadores em empresas de transporte escolar" nos Municípios de Guarulhos, Ferraz de Vasconcelos, Itaquaquecetuba, Mogi das Cruzes, Poá e Suzano. 


CERTIFICA, outrossim, que a Ação Declaratória foi julgada PROCEDENTE nos termos da sentença prolatada em 06/02/2015.



CERTIFICA, ainda, que o réu interpôs Embargos de Declaração, os quais foram julgados IMPROCEDENTES nos termos da sentença prolatada em 03/11/2015.



CERTIFICA, por fim, que, ato contínuo, foi interposto Recurso Ordinário pelo réu, distribuído por sorteio à Cadeira 2 desta 18ª Turma do TRT-2ª Região, e julgado por meio do Acórdão proferido em 15/03/2017, que NÃO CONHECEU do apelo apresentado, com TRÂNSITO EM JULGADO em 29/03/2017.



A pedido da pessoa interessada, foi determinada a expedição da presente certidão de objeto e pé. Era o que tinha a certificar a Secretária que esta subscreve. Digitado por Gillian Karoline da Silva, Analista Judiciário - Área Administrativa, aos dez dias do mês de abril de dois mil e dezesseis. NADA MAIS.


 CECÍLIA FREITAS DE AZEVEDO PESCE

Secretária da 18ª Turma do Tribunal Regional do Trabalho da 2ª Região


Assinado eletronicamente. A Certificação Digital pertence a:
[GILLIAN KAROLINE DA SILVA]

https://pje.trtsp.jus.br/segundograu/Processo/ConsultaDocumento/listView.seam

17041012443666800000014791180